Curta e Siga


Luxação carpo metacárpica




 

Cerca de 70% delas ocorrem  na articulação do quinto osso metacarpal com o hamáto, pela maior mobilidade desta articulação. Nos casos de luxação sem fratura, redução fechada e gesso antebraquiopalmar são suficientes na maioria dos casos. Outros casos são tratados de forma geralmente cirúrgica com redução aberta e fixação percutanea com  fios de Kirschner.

Devemos atentar para o grande edema destas lesões e o risco de síndrome compartimenta, e lembrarmos  que o terceiro raio da mão é a chave para uma redução anatômica.


Nos Siga nas Redes Sociais: Twitter, Facebook, Instagram, Youtube . Adicione no grupo do Whatsapp

Deixe seu comentário e nos marque(@Sua Saúde) pra gente ver:

2 comentários

cimelo disse...

Estou com uma luxação no carpo faz vinte dias gostaria de saber de alguém, vou fazer cirugia sera q volta ao normal

Dani Souto disse...

Tem que ter uma recuperação pós cirurgica bacana.

Procure um fisioterapeuta especializado!